terça-feira, 16 de fevereiro de 2016

Viagem á Ouro Preto!

      Hey galerinha! *--*
   O blog é de rascunhos de modo geral, também sobre a minha vida como atriz, escritora iniciante e etc. Então, resolvi contar um pouquinho para vocês sobre como foi minha viagem de Carnaval, á Ouro Preto, Minas Gerais (da foto). Claro, recomendando que façam uma parada por lá quando puderem, pois a cidade é linda e cheia de histórias! Vou contar um pouquinho para vocês... 


    Fui no sábado (dia 6/2) de manhã, chegando praticamente na hora do lanche da tarde do hotel (a viagem durou cerca de oito horas, quase nove). Ficamos hospedados durante três dias no Recanto das Rosas (em Cachoeiro do Campo), super recomendo! O hotel é lindo, com uma vista maravilhosa para aquelas montanhas verdinhas... Com salão de jogos, piscina e andei de charrete e tudo!  

Em Cachoeiro do Campo, próximo de Ouro Preto.
    No sábado á noite, após o jantar, não perdemos tempo e fomos conhecer a cidade de Ouro Preto em festa! A praça principal da cidade estava lotada, com show ao vivo e principalmente muitos adolescentes se divertindo. Ao meu ver, é como se fosse uma cidade universitária, pois a faculdade de lá além de ser muito bem reconhecida, oferece morada gratuita como as refeições. Legal, né? Por isso, muitos jovens na cidade, a maioria de vários estados para cursar faculdade em Ouro Preto. 
    No dia seguinte, domingo, logo de manhã fomos para nosso passeio turístico pelo local. Com um guia com a gente, a viagem ficou fantástica. Passamos pelas lojinhas com objetos feitos de pedra sabão, o artesanato é muito forte na região. Subindo e descendo as ladeiras de Ouro Preto (que são muitas, e escorregadias, por sinal - quase caí feio lá), o guia foi nos contando as histórias daquele lugar. Algumas casas com arquitetura remetente ao povo árabe, português e até salomônico. 
     Sabiam que os escravos de Ouro Preto, na época, eram vendidos de acordo com o branco dos dentes e grossura da perna? Chegavam a valer cerca de 12.000,00 em ouro, e é inacreditável imaginar uma época assim...  

Igreja Nossa Senhora do Pilar

    A cidade de Ouro Preto foi a primeira cidade brasileira a ter um sistema elétrico subterrâneo, para se remeterem aos anos em que aquele lugar sofria sem energia. As estradas são estreitas, não foram feitas para carros. E é curioso a história das igrejas locais... nenhum negro podia entrar, nem mesmo ser enterrados nos cemitérios próximos. Somente era enterrado aquele católico registrado no livro da Igreja (cada Igreja possuía um cemitério), os de outras religiões eram levados para o cemitério da prefeitura. 
    Ainda falando em Igreja, nós fomos visitar a Igreja do Pilar. Não muito grande, mas magnífica por dentro, toda revestida a ouro. O guia nos contou que as mulheres ficavam separados dos homens nas missas, e todos permaneciam em pé durante as celebrações. Os padres realizavam as missas de costas para os fiéis, pois ficavam de frente para o altar. Até hoje se encontra lá o balaústre feito pelo pai de Aleijadinho, cercando as laterais do interior da Igreja. Seus detalhes são impressionantes, cada imagem e cada pintura possui um significado e uma história. O teto, foi todo pintado com a ajuda de andaimes, onde o pintor ficou deitado durante o processo. Incrível imaginar o trabalho.
Igreja Nossa Senhora do Pilar
      A Igreja Nossa Senhora do Pilar em 2012 foi consagrada Basílica Menor pelo Papa Bento XVI. Em seus outros cômodos, podemos conhecer os móveis mais antigos de Minas Gerais, e alguns objetos utilizados pela Igreja desde aquele tempo. Vale á pena conferir!

     Não muito distante, depois da Igreja fomos conhecer o Museu da Inconfidência. Antigamente ele era um presídio, onde ficaram presos os inconfidentes que anunciaram Tiradentes como o líder deles e o levou a morte. Tiradentes foi morto no Rio de Janeiro, mas depois de ter seu corpo esquartejado, sua cabeça ficou de exemplo na praça de Ouro Preto, porém, após vinte e quatro horas desapareceu e até hoje ninguém sabe quem levou sua cabeça. Curioso também, é saber que no Museu estão as madeiras usadas para seu enforcamento, como vários outros objetos e móveis, roupas e armas daquela época. Há uma estátua de Tiradentes de frente para o velho presídio, no centro da praça. 
Sim, sou eu ali tentando uma foto com Tiradentes,
mas estava difícil ter privacidade numa praça pública, então....haha'
      Voltamos para o hotel satisfeitos e aproveitamos um pouco das regalias do Recanto das Rosas. A comida mineira possui um tempero diferente do que estou acostumada aqui no Rio, mas o queijo e doce de leite são divinos! *--* Berrante não podia faltar!

     Ouro Preto já foi chamado de Vila Rica, pela quantidade de ouro encontrado ali. Depois, ao se descobrir que na verdade o ouro era amarelo depois de seu polimento, antes ele é encontrado coberto por um pigmento preto, deu-se o nome de Ouro Preto. É um lugar calmo e bonito de se viver, mas eu particularmente, acho que não consigo viver fora de cidade grande, então, é ótima para um passeio. As pessoas são super simpáticas com você, sem contar aquele sotaque mineiro que eu já adoro! O clima, a arquitetura... 

Não, o cavalo não é de verdade, mas me apaixonei assim mesmo! xD

   Para entrar no Museu e na Igreja do Pilar, é necessário pagar uma quantia de entrada como visitante, e estudante tem como pagar meia. Eles precisam para a manutenção do lugar e pagamento dos funcionários e não passa de dez reais. (Lembrando que nos dias de missa, como exemplo, não é necessário o pagamento para a entrada, apenas de quem entra como "turista" nos demais horários.)

Amei esse telefone antigo!!
Os detalhes desse cangaceiro chamaram minha atenção de cara, tentei uma selfie com ele, mas não deu muito certo.
Ri muito quando vi isso, imaginando alguém precisando de dinheiro e na "emergência", quebrando o vidro para ter os "milhões"! ;)
     Olha, eu não contei tudo que aprendi por lá, se quiser saber mais terá que visitar essa linda cidade! Depois me conte o que achou dos encantos de Ouro Preto, é realmente mágico! Espero que tenham gostado de saber um pouquinho de como foi meu Carnaval, até a próxima! ;)

5 comentários:

  1. que lugar lindooooo , fiquei me imaginando lendo um livro em baixo daquele bangalô!!!! nossa deve ser um sêssego só!!! parabéns pela viagem, suas fotos ficaram lindas!!!! beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente, lindo lugar e super tranquilo! Estava lendo The 100 lá! haha ;) Obrigada flor, bjs!

      Excluir
  2. Amei!!!
    Estou ansiosa por mais "rascunhos" kkk
    Parabéns !!!


    ResponderExcluir
  3. Amei!!!
    Estou ansiosa por mais "rascunhos" kkk
    Parabéns !!!


    ResponderExcluir