sábado, 21 de janeiro de 2017

[Resenha] Infinito, Os Imortais - Alyson Noël


   E essa é a última resenha da série de seis livros de Os Imortais, da Alyson Noël. 



Ficha Técnica:

Título: Infinito
Título original: Everlasting
Autor (a): Alyson Noël
Editora: Intrínseca
Páginas: 240






Sinopse:
"Após derrotarem seus inimigos mais temidos, Ever e Damen começam uma nova jornada para que ele se livre do veneno em seu corpo. Se encontrarem o antídoto, finalmente serão capazes de viver a paixão pela qual anseiam há séculos. A busca, porém, leva-os a um terreno desconhecido e pavoroso — as profundezas de Summerland. Lá, eles descobrirão a origem obscura e inimaginável de seu relacionamento e serão obrigados a encarar uma dolorosa verdade: o destino tem motivos para mantê-los separados. Agora, o futuro irá depender de uma única decisão, que poderá pôr em risco tudo o que eles têm. Inclusive a eternidade."
Resenha:

   Finalmente chegamos ao último volume! A série várias vezes nos faz pensar em parar a leitura, mas a história de Damen e Ever me encantou tanto que tive que continuar. Nesse livro, os dois estão mais maduros e precisam novamente correr riscos para saberem a verdade por trás do passado, a certeza se podem ou não ficar juntos. E depois do primeiro livro, Infinito é o que eu mais gostei da série!

"O passado é apenas isso: passado. Já foi. Não há por que voltar a ele. Prefiro me concentrar no presente, no agora, neste momento."

    Nesse volume Ever está em busca do antídoto do veneno que os separam, e em meio a isso descobrem um lugar pantanoso perdido em Summerland que realmente te da arrepios. E a mulher que aparece por lá também te deixa inquieta, como suas misteriosas mensagens. 
    Em busca da única coisa que parece realmente acabar com seus problemas, Ever se vê em uma missão perigosa num lugar desconhecido. Tudo depende dela. 

"Minha alma gêmea.
Ele e só ele por toda a eternidade."
   
   Você realmente se prende mais nesse livro, depois de toda enrolação nos anteriores. Agora é tudo ou nada e o amor deles te conduz para o desfecho que eu realmente gostei, na série. Tudo bem que a Ever é uma mala as vezes, mas você não consegue não shippar o casal (alguém aí consegue?). É uma série que eu realmente gostei de ter lido, espero até hoje o filme que dizem que ainda vai sair, mas não leria de novo por ser cansativo. Ainda assim, recomendo se você gosta do estilo de romance impossível, poderes paranormais e vidas passadas :)

Veja também:

Minha nota: 







Nenhum comentário:

Postar um comentário